Prefeita Madalena concede reajuste e paga piso nacional aos professores de Arcoverde


A prefeita de Arcoverde, Madalena Britto, pagará o Piso Nacional aos professores da rede municipal, a partir do mês de abril com efetivação do retroativo dos meses de Janeiro, Fevereiro e Março dividido em parcelas até o final do ano.
“Mesmo com as dificuldades, precisamos honrar com o que prometemos. Trabalhamos com diálogo desde o início da nossa gestão. Dessa maneira, sempre recebemos o Sindicato e os professores. Essa é uma via de mão dupla e acredito que as conquistas são para os dois lados”, enfatizou a prefeita.
O projeto de lei Complementar Nº 04/2017 foi aprovado na Câmara dos Vereadores, nesta segunda (03), e concede o reajuste de 7,64%. O salário passará a ser de R$ 2.298,80.
Na ocasião, também foi aprovado o projeto de Lei Complementar nº 05/2017, no qual concede um prêmio pecuniário para os professores. “É um incentivo para os profissionais que ajudaram a elevar o IDEB do município de 4,7 para 5,3.”, explicou a prefeita, que vai pagar R$ 35 mil a classe em parcela única já no mês de abril.

Desde 2013, a educação é o carro chefe da gestão, que investe mais do que a lei preconiza. De lá pra cá, foram muitas as conquistas com a valorização também da categoria com o Plano de Cargos e Carreiras e o pagamento do Piso Salarial Nacional. “Em 2012, foram pagos cerca de R$ 5 milhões de salário e em 2016, foi quase 15 milhões.”, pontuou o secretário de Finanças Luciano Britto, que reforçou: “Isso só é possível graças a muito planejamento e muito diálogo com a classe para garantia dos seus direitos.”, finalizou.
Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário